Recordações da Casa dos Mortos

14.90 13.41 -10%

Ano: 2021
Nº Páginas: 272
Peso: 0.250 Kg
Dimensões: 200x130x12 mm
ISBN: 9789725614303
Categoria(s) Literatura e Estudos Literários , Literatura e Estudos Literários
Disponibilidade: Em Stock
Adicionar ao Carrinho

Um dos mais famosos livros deste grande vulto da
literatura universal — Recordações da Casa dos Mortos
é, talvez, aquele que mais directamente nasceu da sua
experiência de deportado. É, como escreveu Gilbert
Sigaux, o testemunho de um Dante que regressou do
Inferno e, também, uma dramática denúncia da própria
condição humana. Nele encontramos o invulgar poder
de análise psicológica, o profundo misticismo, a luta
contra os fantasmas da consciência, a busca de um
fundamento ontológico do ser tão característicos de
Dostoiévski.

Fiódor Mikhailovitch Dostoiévski nasceu em
1821, em Moscovo. Após a morte da mãe, o pai, que
viria a ser assassinado em 1839, matricula-o na escola
militar de engenharia de São Petersburgo. Atraído pela
literatura, o jovem Dostoiévski abandona, em 1840,
o exército e passa a viver de traduções.

Em 1846 estreia-se com o romance Gente Pobre, entusiasticamente
acolhido pela crítica. Mais tarde associa-se a um grupo de activistas liberais.
Preso em 1849, é condenado à morte; momentos antes da execução
vê a sua pena comutada em quatro anos de trabalhos
forçados na Sibéria.

Da deportação nasceu, no dizer de Pierre Pascal, o
verdadeiro Dostoiévski de Recordações da Casa dos
Mortos, Humilhados e Ofendidos, Crime e Castigo, Os
Possessos e Os Irmãos Karamazov.